Recuperado nos EUA Picasso roubado em Paris

Obra havia sido roubada em 2001 e chegou aos Estados Unidos procedente da Bélgica em 17 de dezembro passado, em uma remessa que o descrevia como uma "obra de arte" no valor de 30 euros (37 dólares na época)

iG Minas Gerais |

As autoridades americanas recuperaram uma obra do pintor espanhol Pablo Picasso, roubada de um museu parisiense em 2001, e que tentaram contrabandear aos Estados Unidos como presente de Natal no valor de 37 dólares, informou nesta quinta-feira (26) a promotoria federal de Nova York.

"La Coiffeuse" (A cabeleireira), um óleo sobre tela cubista, pintado por Picasso em 1911 e avaliado em "milhões de dólares", chegou aos Estados Unidos procedente da Bélgica em 17 de dezembro passado, em uma remessa que o descrevia como uma "obra de arte" no valor de 30 euros (37 dólares na época), destacou em um comunicado a promotora do distrito leste de Nova York, Loretta Lynch.

O pacote, com a menção "Feliz Natal", foi retido pelas autoridades alfandegárias e a pintura foi apreendida. A promotoria federal apresentou na quinta-feira uma denúncia para tomar posse da tela por "contrabando de propriedade roubada".

"Um tesouro perdido foi encontrado", disse a promotora Lynch, indicando que uma vez a justiça determine oficialmente sua apreensão, a obra poderá ser restituída à França.

"La Coiffeuse" fazia parte da coleção do Centro George Pompidou, de Paris, e estava em seu depósito. Sua falta foi detectada em 2001, quando o museu recebeu um pedido de empréstimo da tela, segundo informações da promotoria americana.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave