Juiz argentino rejeita denúncia contra Kirchner por acobertar iraniano

Rafecas rejeitou a acusação contra a presidente, apresentada pelo promotor Gerardo Pollicita a partir da denúncia de Nisman

iG Minas Gerais | AFP |

EDUARDO DI BAIA/ASSOCIATED PRESS
undefined

O juiz argentino Daniel Rafecas rejeitou a denúncia apresentada pelo falecido promotor Alberto Nisman contra a presidente Cristina Kirchner por supostamente acobertar ex-governantes iranianos por um atentado antissemita em 1994, segundo uma fonte judicial.

Rafecas rejeitou a acusação contra a presidente, apresentada pelo promotor Gerardo Pollicita a partir da denúncia de Nisman.

Quatro dias antes de morrer com um tiro na cabeça em seu apartamento, Nisman acusou Kirchner, seu chanceler Héctor Timerman e pessoas próximas ao governo de ter acobertado os acusados iranianos pelo atentado à AMIA.

A morte de Nisman ocorreu um dia antes de explicar sua denúncia a uma comissão do Congresso.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave