Após temporal, metrô e CPTM registram tumulto e vandalismo em SP

Passageiros atiraram objetos contra as bilheterias e houve alguns bate-bocas e empurrões, o que levou à suspensão do embarque até às 20h20

iG Minas Gerais | Folhapress |

A volta pra casa do paulistano é complicada após a chuva que provocou transtornos durante a tarde e a noite nesta quarta-feira (25). Com estações lotadas, houve registro de tumulto na estação Barra Funda, que levou à suspensão do embarque no metrô, e depredação em um trem da CPTM.

Segundo a assessoria do Metrô, o tumulto aconteceu por volta das 19h50 no mezanino da estação Barra Funda. Alguns passageiros atiraram objetos contra as bilheterias e houve alguns bate-bocas e empurrões, o que levou à suspensão do embarque até às 20h20. A Polícia Militar e seguranças do metrô foram ao local.

O Metrô não registrou problemas na circulação de trens durante o dia, apesar de ter a velocidade reduzida por questão de segurança durante a chuva. O Metrô informou que confusão, no entanto, aconteceu por conta da restrição na circulação dos trens na linha 7-rubi, da CPTM, que tem estação integrada ao metrô.

A linha 7 da CPTM registrou alagamento e um raio, o que prejudicou a circulação entre a estação Luz e a estação Pirituba. Revoltado, um grupo de passageiros depredou uma composição que estava na estação Barra Funda. Por volta das 20h30, a companhia afirmou que já estava removendo-a. A circulação será liberada em seguida.

A CPTM também teve problema mais cedo nas linhas 8-diamante e 10-turquesa, que também tiveram alagamento e suspensão parcial da circulação. Às 20h30, porém, elas já estavam com a circulação normalizada.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave