Professora é morta durante briga de trânsito em Ubá

Adolescentes confessaram crime, disseram que tiros eram para um motociclista e que a mulher foi atingida acidentalmente; população organiza abaixo-assinado para pedir reforço no policiamento

iG Minas Gerais | Gustavo Lameira |

Dois adolescentes foram apreendidos pela morte de uma professora de Ubá, na Zona da Mata Mineira, nesta segunda-feira (23). O crime foi motivado por uma briga de trânsito, durante o Carnaval, no último sábado (14). Um homem também ficou ferido. A população elabora um abaixo-assinado para cobrar mais segurança para a cidade.

De acordo com o delegado Rafael Gomes de Oliveira, da Delegacia Especializada de Investigações Antidrogas e Homicídios de Ubá, a confusão começou quando um motociclista quase colidiu em um cruzamento do bairro Palmeira com outra moto, em que estava a dupla suspeita. Houve uma discussão entre eles, depois o motociclista deixou o local.

Os suspeitos, então, o seguiram e efetuaram dois disparos. Um dos tiros atingiu o homem; o segundo a professora Mirtes Eliane Fernandes, de 54 anos, que também estava em uma moto e teve morte instantânea. O motociclista ferido foi levado em estado grave para o o Hospital São Vicente, mas já recebeu alta, segundo o delegado.

Nesta segunda (23), os adolescentes de 15 e 16 anos chegaram à delegacia acompanhados dos responsáveis legais e confessaram o crime, sendo encaminhados para a carceragem. Uma entrevista coletiva para a imprensa será realizada às 10h desta terça-feira (24), para repassar outros detalhes do caso.

Protesto

Ainda conforme o delegado, na última Quarta-feira de Cinzas (18), a população tomou as ruas em protesto contra a falta de policiamento preventivo em Ubá, e constante sensação de insegurança. Um abaixo-assinado é organizado para ser apresentado ao Comando da Polícia Militar.  

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave