Ex-baixista da Legião Urbana é encontrado morto no Guarujá

Renato Rocha, de 53 anos, foi encontrado caído dentro do quarto sem sinais de violência ou vestígios de drogas; causa mais provável de sua morte é parada cardíaca

iG Minas Gerais |

undefined

 O ex-baixista da banda Legião Urbana, Renato Rocha, 53, conhecido como Negrete, foi encontrado morto na manhã deste domingo (22) em um hotel próximo à praia da Enseada, no Guarujá.

A informação foi confirmada pela polícia e pela página oficial que parentes de Rocha mantêm no Facebook. O ex-baixista foi encontrado sentado, encostado à porta, sem sinais de violência ou vestígios de drogas. A causa mais provável, segundo a página, é parada cardíaca.

"Segundo informações de seu irmão, dr. Roberto da Silva Rocha, a governanta que cuida de Renato Rocha foi ao quarto, chamou e ele não atendeu. Abriram a porta e ele estava caído. A polícia fez vistoria e não tinha sinais de violência nem drogas, foi ataque cardíaco", diz trecho da mensagem publicada por volta das 13h deste domingo na página de Rocha.

O corpo de Rocha foi levado ao IML (Instituto Médico Legal) no início da tarde, onde passará por exames.

Em 2012, Renato Rocha foi encontrado por reportagem da TV Record morando nas ruas do Rio de Janeiro. Na época, ele contou que estava envolvido com drogas, mesma razão que provocou sua saída da Legião Urbana, em 1989. 

Leia tudo sobre: Legião Urbanaex-baixistaRenato Rocha