Dois mortos e 11 feridos em explosão em Kharkiv, leste da Ucrânia

Polícia considera que a ação foi um "atentado terrorista" dentro da zona de combates com os rebeldes pró-Rússia

iG Minas Gerais | AFP |

Duas pessoas morreram e 11 ficaram feridas neste domingo em uma explosão durante uma passeata patriótica em Kharkiv, leste da Ucrânia, situada a 200 km da zona de combates com os rebeldes pró-Rússia.

Em um primeiro balanço divulgado pela procuradoria regional, as autoridades citavam três mortos.

O procurador Yuri Danilchenko informou à imprensa que uma das vítimas fatais era um policial e que outros quatro agentes ficaram feridos.

A polícia considera que a ação foi um "atentado terrorista", informou o ministério do Interior em um comunicado.

O Serviço de Segurança Ucraniano (SBU) anunciou que deteve suspeitos que poderiam estar envolvidos no atentado.

O artefato explosivo, que estava em uma bolsa de plástico escondida entre a neve na avenida Jukov, continha pedaços de metal, segundo o procurador, que acredita em uma ativação por controle remoto.

O atentado aconteceu diante de um veículo estacionado na avenida Jukov, perto do palácio dos esportes da cidade, segundo testemunhas.

"Pensei que era uma bomba de efeito moral, mas as pessoas começaram a cair", disse à AFP Igor Rasoja, um dos organizadores da marcha.

A cidade de Kharkiv foi cenário nos últimos meses de uma dezena de explosões, consideradas "atentados terroristas" e que deixaram vários feridos.

Leia tudo sobre: Ucrâniarebeldes pró-Rússiaatentadoterrorista