Com promessas de mudanças, Galo na Veia passa os 40 mil sócios

Presidente do Atlético acredita que alterações na comunicação com os adeptos pode fazer esse número crescer ainda mais

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Com mudanças pontuais e a promessa de mais alterações até o mês de abril, o programa Galo na Veia passou os 40 mil sócios na última atualização feita pelo Movimento por um Futebo Melhor. O Atlético chegou aos 40.287 adeptos e mantém a nona colocação, a frente do Bahia (#10 - 24.021) e atrás do São Paulo (#9 - 48.843).

Desde o primeiro dia de seu mandato, o presidente Daniel Nepomuceno coloca o programa de sócio-torcedor como uma de suas prioridades à frente do Galo. Ele acredita que poucas alterações devem ser feitas no programa vigente para que o Galo na Veia cresça ainda mais, chegando aos sonhados 100 mil sócios, sendo 10 mil da categoria Black.

"No Galo da Veia Black é de chegar a 10 mil pessoas, 8 mil pessoas, que é excelente para o clube, vai ajudar bastante nas finanças do clube. Vamos trabalhar para um melhor conforto para este torcedor e, independentemente se for Mineirão ou Independência, a meta está tranquila de ser trabalhada", afirmou Nepomuceno em entrevista a O Tempo no início de fevereiro.

"Queremos mostrar as centenas, os milhares de benefícios que vão fidelizá-los. O programa está pronto, mas tem de avançar. É colocar uma coisa única para facilitar a vida do sócio e fazer ele entender que tem ótimos descontos e ainda poderá entrar em campo com o próprio cartão", complementou.

Leia tudo sobre: atleticogalogalo na veiablackprata40 milsociosmovimento por um futebol melhor