Carnavalizar e ocupar

Baixe gratuitamente a revista digital para iPads da Sempre Editora; nesta edição, longe da vista e dos interesses públicos, bloco “Filhos de Tcha Tcha” mostra que Carnaval também é época de fazer política

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Reprodução
undefined

CAPA

Carnaval é revolução

Era segunda-feira de Carnaval e, sob o sol escaldante que se pendurava no céu de azul intenso da região do Isidoro, Vetor Norte de Belo Horizonte, uma aglomeração começava a se formar para dar inicio à folia. De ônibus, vindo do centro da cidade, na rua da Bahia, esquina com a Guaicurus, os foliões seguiam para o último ponto da capital que ainda não foi urbanizado. Chegavam aos montes, pendurados e espremidos na “buzona” do movimento Tarifa Zero, para reforçar que as causas sociais da cidade fazem parte de uma mesma trama.

Curtiu? Então leia a matéria na íntegra na publicação digital gratuita disponível na App Store. Conheça abaixo outros assuntos abordados na edição #58

CLIQUE AQUI PARA BAIXAR GRATUITAMENTE A REVISTA O TEMPO LIVRE

TENDÊNCIA Quando você está viajando sozinho, nem sempre é fácil fazer amizade com um desconhecido. Na verdade, para começo de conversa, como conhecer outros viajantes solitários ou mesmo habitantes locais? E se você está procurando amizade – ou até algo mais – como pode ter certeza de que no meio de toda a diversão não vai negligenciar as precauções necessárias para se manter seguro?

GASTRÔ Poucos ingredientes são tão importantes na cozinha como o ovo. Base da patisserie, emulsificante natural e presente em todas as culturas gastronômicas mundo afora, ele já foi acusado de vilão por causa do colesterol. Mas acabou absolvido pelos seus atributos nutricionais, que não são poucos. Da entrada à sobremesa, do café da manhã ao jantar, ele cabe praticamente em qualquer refeição e faz bonito onde aparece.

PERFIL Uma volta pelo mundo de John Hughes - Era um dia claro no final do verão, mas eu estava em uma delegacia de polícia em Des Plaines, ao norte de Chicago, um prédio enorme de concreto dos anos 70 tão estéril quanto um hospital. Nunca havia estado em um labirinto de corredores como esse, com piso de linóleo e pátios tristes, porém o edifício me era tão familiar quanto qualquer memória da infância. E, de certa forma, era isso mesmo. Cresci assistindo aos filmes de John Hughes e esse era o cenário de um dos meus preferidos, "Clube dos Cinco", de 1985.

MEU GUIA 5 fotógrafos que você precisa conhecer - Ao sinal sonoro de um clique uma paisagem, olhar, expressão, objeto é eternizado. A fotografia serve a isso, registrar, auxiliar a memória. Atribuir esta invenção a este ou aquele cientista seria um erro. Ao que se sabe, a técnica é um processo de avanços realizados por diversas pessoas. Contudo, é possível datar e creditar a primeira fotografia como sido tirada pelo francês Joseph Nicéphore Niépce em 1826. A tecnologia aperfeiçoou-se e continua nesta busca incessante.

* Conteúdo semanal exclusivo para iPads 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave