Mortes nas estradas no Carnaval caem quase pela metade em 2015

Balanço da operação durante o feriado foi divulgado nesta quinta-feira; 34 pessoas foram presas em fiscalização da Lei Seca

iG Minas Gerais | Da redação |

Trânsito na BR-040 é muito ruim
leo fontes
Trânsito na BR-040 é muito ruim

O número de mortos em acidentes nas rodovias federais que cortam o Estado durante o Carnaval caiu quase pela metade em 2015, na comparação com o ano passado. De acordo com o balanço divulgado pela Polícia Rodoviária Federal (PRF) nesta quinta-feira (19), este ano foram registradas 14 mortes, enquanto no ano passado, os acidentes nas estradas fizeram 24 vítimas fatais.

Esta é a 3ª redução consecutiva de índices desde o Natal de 2014, segundo a PRF. A corporação aponta que o reforço do efetivo, a realização de campanhas de fiscalização e educação no trânsito e a colaboração de motoristas, órgãos de trânsito e concessionárias que administram as rodovias foram algumas das principais ações que ajudaram a reduzir o número de acidentes fatais durante o feriado.

Segundo a PRF, o maior número de acidentes com mortes - nove dos 12 registrados - aconteceu entre 23h30 e 8h. As rodovias em que houve maior número acidentes fatais foram a BR-262 e BR-116, com três cada, seguidas pela BR-267 e BR-040, com dois cada, e BR-381, BR-251, BR-364 e BR-050, com um casa.

O número de pessoas feridas, no entanto, aumentou neste feriado. Em 2014, os acidentes nas rodovias deixaram 338 feridos, 23 a menos que este ano, quando a quantidade registrada foi de 361.

Lei seca

Em 2015, durante o Carnaval, 15.494 motoristas foram submetidos ao teste do bafômetro. De acordo com a PRF, a fiscalização resultou em 217 autuações e 34 prisões por descumprimento da Lei Seca. Ainda segundo a corporação, foram aplicadas 21.937 multas por excesso de velocidade, registrado por imagens de radar.

Leia tudo sobre: acidentesmortesrodovias federaiscarnavalferiadoprf