Aos 36, Bryant diz que não pensa em parar e se inspira nos Spurs

Astro passou por uma cirurgia no ombro direito, no fim de janeiro, e ficará afastado das quadras por pelo menos nove meses

iG Minas Gerais | Folhapress |

Kobe Bryant posa com a tipoia que segura o braço direito
Instagram/Reprodução
Kobe Bryant posa com a tipoia que segura o braço direito

Apesar da recente contusão no ombro direito, o ala Kobe Bryant, 36, do Los Angeles Lakers, disse que não pensa em se aposentar e que se inspira no San Antonio Spurs para seguir em frente na NBA.

Um dos maiores jogadores da liga, Bryant passou por uma cirurgia no ombro direito, no fim de janeiro, e ficará afastado das quadras por pelo menos nove meses, de acordo com a franquia de Los Angeles.

"Eu não posso dizer que isso é o fim. Eu achava que o San Antonio Spurs tinha acabado há 20 anos. E esses caras ainda estão vencendo", disse Bryant.

Apesar da idade avançada do seu trio de ferro (Duncan, 38, Ginóbili, 37, e Parker, 32), os Spurs são os atuais campeões da NBA. Na última temporada, bateram o então poderoso Miami Heat na final.

"A resposta é que eu não posso dizer que é o fim da minha carreira, porque eu achava que a era deles [dos Spurs] já tinha acabado. Eu estou esperançoso que eu posso ter o mesmo renascimento", afirmou Bryant.

Bryant, que superou Michael Jordan nesta temporada e virou o terceiro maior cestinha da NBA, estava com uma média de 22,3 pontos por jogo antes de se machucar. Ele participou de 35 partidas no campeonato atual.

Os Lakers, porém, fazem uma campanha ruim. O time ocupa a penúltima colocação da Conferência Oeste, com 13 vitórias e 40 derrotas.

Leia tudo sobre: kobe bryantspurssan antonio spurscirurgianbabasquete