Policial Civil dispara durante festa de Carnaval e deixa três feridos

Um casal de idosos e uma jovem foram atingidos pelos estilhaços dos disparos e levados para o hospital, populares tentaram agarrar o autor dos disparos, que fugiu em um carro

iG Minas Gerais | FELIPE CASTANHEIRA |

Os tiros dados por um policial civil durante uma festa de Carnaval em Alto Rio Doce, no Campo das Vertentes, deixam um casal de idosos e uma jovem feridos, no fim da tarde deste domingo. Segundo o relato passado por testemunhas para a Policia Militar, o autor dos disparos apresentava sinais de embriaguez e usou a arma sem motivo.

Os tiros foram dados para o chão, mas os estilhaços atingiram três pessoas que estavam acompanhando o Carnaval. De acordo com os moradores que presenciaram a cena, muitas pessoas ficaram revoltadas com o ocorrido e tentaram agredir o policial, que fugiu para uma casa de parentes que fica próxima ao local. Depois de entrar na residência, ele teria fugido em um carro por uma garagem que dá acesso a outra rua. O veículo usado na fuga não foi identificado. 

Os disparos ocorreram a poucos metros de onde era realizado o desfile do Bloco da Burrinha, o mais tradicional da cidade, por volta das 18h, na praça Cônego Pinto, no Centro.

O suspeito é conhecido por muitos dos moradores, mas é lotado em Belo Horizonte e não trabalha na cidade e foi apontando por diversas testemunhas como o autor dos disparos. As três pessoas atingidas foram levadas para o hospital Nossa Senhora de Aparecida, no próprio município e passam bem. 

A Polícia Militar realizou um cerco na região para tentar encontrar o suspeito. A Polícia Civil de Barbacena, que atende as ocorrências da região durante o plantão de Carnaval, informou não ter informações sobre o ocorrido. O autor dos disparos não foi localizado.

Leia tudo sobre: disparostiroscarnaval