Cordão do Boitatá anima o centro do Rio

A estimativa da Guarda Municipal é que o bloco, que fica parado na praça, mobilize 40 mil pessoas

iG Minas Gerais | FOLHA PRESS |

 A Praça 15, no centro do Rio, está lotada de foliões que se reúnem para brincar o Carnaval e ouvir atrações musicais como as cantoras Teresa Cristina, Roberta Sá e o nigeriano Keziah Jones no palco montado pelo Cordão do Boitatá.   A estimativa da Guarda Municipal é que o bloco, que fica parado na praça, mobilize 40 mil pessoas. O Cordão do Boitatá tem um clima familiar, com muitas crianças presentes. "Tirando o Bola Preta e o da Preta Gil [blocos que atraem multidões], os blocos do centro do Rio têm essa característica de serem mais familiares, onde todos vêm para brincar. São mais democráticos", disse o professor de geografia Daniel Campos, 37, acompanhado da filha Maria Flor, 4.   O arquiteto João Pedro Doica, 44, também levou os filhos Felipe, 16, e Pedro, 12. "O clima do Boitatá é ótimo, muito divertido. É a primeira vez do mais novo no bloco", disse o pai.   Um grupo de foliões cariocas e paulistanos desfila com baldes na cabeça: são os "captadores de água", dizem eles, em alusão à crise hídrica. Fantasias e cartazes irreverentes e criativos são uma das marcas do bloco.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave