Branagh exibe sua ‘Cinderela’

Diretor contou com grande elenco e o suporte da Disney para atualizar o clássico conto

iG Minas Gerais |

undefined

O Festival de Berlim recebeu ontem de braços abertos o clássico conto de fadas “Cinderela”, 65 anos depois da célebre versão de Walt Disney, renovado por Kenneth Branagh e com um impressionante elenco de carne e osso, que inclui nomes como Lily James (Cinderela), Cate Blanchett (a madrasta), Helena Bonham Carter (a fada madrinha) e Richard Madden (o príncipe).

Com alguns retoques em relação à história original e um figurino fabuloso, a “Cinderela” de Branagh recupera para o grande público a essência deste conto de amor e esperança, com toques de humor e caprichosos efeitos especiais. Branagh elogiou o “excelente roteiro” de Chris Weitz e ressaltou o desafio de “renovar” uma história de grandes sentimentos e emoções sem cair no sentimentalismo.

Podia ter sido a história de amor que todos conhecemos, mas “não há nada bidimensional no filme”, graças ao talento de Branagh, explicou Bonham Carter, que interpreta uma divertida e luminosa fada madrinha. E graças também ao roteiro e aos diálogos, lembrou Blanchett, desfrutando de seu papel de pérfida e malvada madrasta, cruel até com suas adoradas e inúteis filhas.

Prêmio. O filme “Táxi”, do iraniano Jafar Panahi, ganhou ontem o prêmio da Federação Internacional de Críticos de Cinema (FIPRESCi) entre os 19 aspirantes da mostra competitiva do Festival de Berlim. Os prêmios FIPRESCi são a antessala dos prêmios oficiais do Festival de Berlim, que serão entregues hoje pelo júri liderado pelo diretor norte-americano Darren Aronofsky.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave