Termina sem acordo reunião sobre crise hídrica em Minas

Norma deliberativa apresentada e que irá definir sobre o racionamento, esquema de rodízio e sobretaxas foi questionada pelo Conselho Estadual de Recursos Hídricos; novo encontro será marcado em 10 dias úteis

iG Minas Gerais | Angélica Diniz |

Terminou sem acordo a reunião que trata da crise hídrica entre o Instituto Mineiro de Gestão de Águas (Igam), Copasa, e Conselho Estadual de Recursos Hídricos, na tarde desta quinta-feira (12). O encontro foi na Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Semad), no centro de Belo Horizonte.

Igam e Copasa apresentaram a deliberação normativa que pretende definir sobre o racionamento de água no Estado, assim como o esquema de rodízio e sobretaxas aos consumidores que excederem nos gastos.

Porém, o Conselho Estadual de Recursos Hídricos, autoridade máxima no assunto, questionou alguns pontos, e também apresentou propostas.

Uma nova reunião será marcada em 10 dias úteis para que, então, a deliberação normativa possa ser votada.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave