De time que oscilava a uma equipe 'cascuda' e postulante ao caneco

Após três grandes atuações contra times que ocupam o G-4 da Superliga, Minas Tênis Clube promete chegar aos play-offs no ápice

iG Minas Gerais | THIAGO PRATA |

Bruno Canuto chega com moral ao Minas, já ocupando posição de titular
MINAS TÊNIS CLUBE - DIVULGAÇÃO
Bruno Canuto chega com moral ao Minas, já ocupando posição de titular

De uma equipe cheia de oscilações a um time 'cascudo'. A evolução do Minas Tênis Clube na Superliga masculina fica notória a cada partida realizada no segundo turno. Se antes os minastenistas tinham dificuldades em enfrentar até clubes de menor expressão, atualmente é capaz de bater de frente com outras agremiações gigantes.

Os três últimos embates que fez no torneio – ante Vôlei Brasil Kirin-SP, Sesi-SP e Sada Cruzeiro – deixaram claro que o time comandado pelo técnico Nery Tambeiro jogou no lixo o rótulo de coadjuvante e assumiu de vez a condição de um dos favoritos ao título.

Mesmo atuando fora de casa, o Minas bateu o Brasil Kirin, por 3 sets a 2, e o Sada, por 3 a 1. Já dentro de seus domínios, vendeu caro a derrota por 3 a 2 para o Sesi, pois estava perdendo por 2 a 0 e chegou a empatar a partida, levando a pior no tie-break.

Um dos destaques da equipe, o ponteiro Canuto acredita que a tendência é que o Minas se torne ainda mais forte nos play-offs.

“Estamos numa crescente e evoluindo bastante na questão do entrosamento, do trabalho em equipe, em todos os aspectos. Para os play-offs, estaremos bem melhores do que estamos agora”, declarou o atacante minastenista, que ficou orgulhoso principalmente do desempenho do time contra o Sada Cruzeiro.

“A gente esperava que fosse uma boa partida e foi, com parciais lá em cima. Não nos abatemos quando estávamos atrás e tivemos paciência. Acho que isso fez diferença”, comentou.

Dono da melhor recepção da Superliga, com 59,41% de eficiência, Canuto acredita que o Minas chegou a um patamar que o credencia como um dos principais postulantes ao caneco. “Com certeza, com a gente não tem tempo ruim. Vamos para cima de qualquer adversário que vier, dentro ou fora de casa”, disse.

A equipe mineira ocupa a quinta colocação, com 37 pontos, três a menos que o quarto colocado, o Sesi-SP, restando apenas duas rodadas para o fim da primeira fase. Os jogadores treinam hoje e ganharão o sábado e domingo de folga para curtir o Carnaval. O Minas só volta a jogar no dia 21, diante do Montes Claros Vôlei, no ginásio Tancredo Neves.

Leia tudo sobre: Minas Tênis ClubeCanutoSada Cruzeiro