Rio quer dessalinizar água do mar para conter crise de abastecimento

De acordo com Pezão, a usina ficaria na zona oeste e abasteceria cerca de 1 milhão de pessoas

iG Minas Gerais | Folhapress |

Tomaz Silva/Agência Brasil
undefined

O governador do Rio, Luiz Fernando Pezão (PMDB), encomendou um projeto para construir uma "usina de dessalinização" da água do mar para abastecimento do Estado. A proposta seria uma alternativa para fornecer água à população devido à estiagem.

De acordo com Pezão, a usina ficaria na zona oeste e abasteceria cerca de 1 milhão de pessoas. No encontro realizado nesta quarta-feira (12) com empresários espanhóis, ele pediu um orçamento para a obra, que seria enviada em março. O governador disse que vai tentar viabilizar a construção com uma parceria público privada.

Pezão adiantou que pretende construir uma segunda "usina" em São Gonçalo, região metropolitana. Neste caso, a água da poluída baía de Guanabara seria utilizada.

"O custo deste modelo de usina já caiu muito e está nos parecendo viável. No próximo mês, teremos o orçamento definido", disse o governador. De acordo com Pezão, a empresa já construiu usinas com essa tecnologia em mais de 20 países.

Nesta quinta-feira (13), o governador confirmou que o Estado não vai conseguir concluir o projeto de despoluir totalmente a baía de Guanabara até os Jogos Olímpicos Rio 2016. O secretário de ambiente, André Corrêa, já havia anunciado o descumprimento da meta nesta semana.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave