Técnico da URT lamenta atuação do árbitro na derrota para o Mamoré

Vilson Taddei entende que antes do lance do gol houve uma falta no lateral-esquerdo Marcel.

iG Minas Gerais | ANTÔNIO ANDERSON |

A derrota por 1 a 0 para o Mamoré no “Clássico do Milho” não foi muito bem aceita pelo técnico da URT, Vilson Taddei. O comandante do Pato não aprovou a atuação do árbitro Ricardo Marques Ribeiro afirmando que no lance do gol ele teria deixado de dar uma falta do lateral-direito Bruno Limão no lateral-esquerdo Marcel. Na sequência da jogada, o atacante Bruno Aquino acabou marcando o gol da vitória.

“Tivemos uma falta visível a nosso favor e Ricardo Marques deixou o lance seguir. Ele amarrou o jogo o tempo inteiro e no momento que tinha que apitar, não apitou”, afirmou Vilson Taddei, que sobre o clássico destacou que as duas equipes pouco criaram. “Os times estavam bem fechados e tiveram dificuldades de jogar. Nós não jogamos o que jogamos nos últimos jogos e ainda acabamos penalizados, porque o árbitro não viu a falta”, destacou o treinador da URT.

Para o técnico do Mamoré, Alexandre Barroso, a vitória sobre a URT foi conquistada graças a aplicação tática da sua equipe. “Fiquei satisfeito com o resultado, pois os jogadores entenderam o tanto que era importante vencer. Eles se entregaram e foram determinados”, declarou o treinador, que com as derrotas para a Caldense e Atlético estava ameaçado de perder o cargo, caso não conseguisse um bom resultado.

A terceira rodada do Campeonato Mineiro será complementada neste sábado. Com os resultados dessa quarta-feira, o Mamoré subiu para o nono lugar na tabela de classificação, enquanto que a URT está em sétimo. As equipes de Patos de Minas só voltam a jogar pelo Estadual no outro fim de semana. No sábado, dia 21, o Mamoré vai a Tombos enfrentar o Tombense. No domingo, dia 22, a URT recebe o Villa nova.