Supervisor da CET-Rio é atropelado por ônibus após suposta discussão

David Bezerra de Vasconcelos, 33, morreu nesta quarta-feira (11) após ser atropelado por um ônibus no centro do Rio

iG Minas Gerais | Folhapress |

 O supervisor da CET-Rio (Companhia de Engenharia de Tráfego) David Bezerra de Vasconcelos, 33, morreu nesta quarta-feira (11) após ser atropelado por um ônibus no centro da capital. Segundo testemunhas, o crime aconteceu por causa de uma discussão com o motorista.

Funcionários da CET-Rio disseram que depois de um acidente sem gravidade entre o ônibus e um carro, Vasconcelos mandou que o motorista da linha 323 (Castelo-Bananal), da viação Paranapuã, saísse da avenida Presidente Vargas, próximo ao Campo de Santana, sentido Candelária, para não atrapalhar o trânsito. O condutor, no entanto, iniciou uma discussão e o supervisor retrucou dizendo que se ele não saísse iria chamar o reboque.

"Revoltado, ele [motorista] entrou no ônibus e atropelou o agente. Testemunhas disseram que, em seguida, ele ainda tentou fugir, mas policiais militares que passavam pelo local levaram ele à 4ª DP (Cidade Nova). Depois, no entanto, o motorista foi liberado", disse a coordenadora da CET-Rio Vera Lucia Ferreira à reportagem.

Na delegacia, testemunhas contaram que o ônibus passou por cima das pernas e do quadril do agente de trânsito, que chegou a ser levado para o Hospital Municipal Souza Aguiar, mas não resistiu aos ferimentos e morreu na madrugada desta quarta. O crime aconteceu por volta das 20h45 de terça (10).

Horas antes, Vasconcelos havia trocado várias mensagens com a mulher preocupado com o retorno do filho de três anos à creche. Feliz, o agente chegou a enviar à família uma foto dele no trabalho pelo celular.

O motorista do ônibus foi identificado como Leandro Rodrigues da Silva, 29. A reportagem entrou em contato com a empresa, mas não obteve retorno. O motorista não foi encontrado. A reportagem também tentou contato com o delegado responsável pelo caso, mas ele não foi localizado.

Em nota, a Secretaria Municipal de Transportes e a CET-Rio lamentaram a morte do supervisor de trânsito. "A secretaria tomou todas as medidas necessárias para garantir assistência à família do servidor e a total apuração dos fatos. Para isso, determinou ao consórcio Internorte e à empresa Paranapuã o afastamento imediato do motorista", destacou.

"O consórcio também foi notificado a apresentar em 48 horas as imagens internas do veículo. A secretaria e a CET-Rio acompanham, desde o registro da ocorrência, toda a investigação da Polícia Civil", informou.

O enterro do corpo de Vasconcelos deve acontecer às 15h30 desta quinta (12) no cemitério de Inhaúma, zona norte do Rio. Desde o início da manhã, ele é velado na capela Rita de Cássia, na mesma região.