Governo federal promete R$ 809 milhões para obras contra a seca em MG

Recursos foram prometidos em reunião com força-tarefa do governo estadual nesta quarta-feira

iG Minas Gerais | Da redação |

Reservatório está com vazão 70% menor do que o normal
UARLEN VALERIO / O TEMPO
Reservatório está com vazão 70% menor do que o normal

Integrantes da força-tarefa do governo mineiro para gerir a falta de água no Estado se reuniram nesta quarta-feira (11) em Brasília com representantes do governo federal e ouviram a promessa de garantia de R$ 809 milhões para diversas intervenções. A informação foi divulgada na tarde desta quarta pela Secretaria de Estado de Governo de Minas.

Dentre as mais importantes, estão ações em conjunto da Copasa e Copanor no semiárido mineiro, onde há crise de abastecimento, e a captação de água do rio Paraopeba para o Sistema Rio Manso para atender a Região Metropolitana de Belo Horizonte.

"Voltamos com a garantia de todo apoio da União. Os secretários executivos confirmaram que essa é a primeira vez que o governo de Minas vai a Brasília apresentar projetos. Fizemos um grande esforço nas últimas semanas e elaboramos um diagnóstico com todas as ações e projetos de cada secretaria e órgão do governo que trata direta ou indiretamente da questão hídrica. O governo federal reconheceu isso e se prontificou a ajudar o governo de Minas no que for necessário", afirmou o coordenador da força-tarefa, Helvécio Magalhães.

A reunião teve presença de membros do Ministério da Integração Nacional, do Ministério das Cidades e do Programa de Aceleração do Crescimento, que ouviram as propostas de Magalhães e também do secretário de Transporte e Obras, Murilo Valadares e da presidente da Copasa, Sinara Meirelles.

Uma nova reunião será agendada nos próximos dias para a apresentação do detalhamento dos projetos.

Leia tudo sobre: crise hídricasecaáguachuvaFernando PimentelDilma RousseffCopasa