Chineses pagam R$ 3,3 bi por empresa que tem direitos de TV da Copa

Há três semanas, o grupo Wanda se tornou a primeira empresa chinesa acionária de um grande clube europeu ao acertar a compra de 20% do Atlético de Madri

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

O dono da companhia, Wang Jianlin disse que o investimento irá ajudar a alavancar o desenvolvimento do esporte na China
Divulgação/ Wanda Group
O dono da companhia, Wang Jianlin disse que o investimento irá ajudar a alavancar o desenvolvimento do esporte na China

Menos de um mês após se tornar acionista do Atlético de Madri, o conglomerado chinês Wanda anunciou nesta terça-feira (10) a compra da empresa suíça de marketing esportivo Infront Sports & Media, que tem como presidente Phillip Blatter, sobrinho do mandatário da Fifa, Joseph Blatter.

A Infront administra contratos milionários como os direitos de transmissão das Copas do Mundo da Rússia-2018 e do Catar-2022. Também é acionista da Match Hospitality, empresa que tem a exclusividade na venda de pacotes de hospitalidade (ingressos de luxo) dos Mundiais.

A empresa também tem contratos com as federações de futebol da Alemanha e da Itália, com a maratona de Berlim, a federação europeia de Handebol e a liga chinesa de basquete, além de administrar os contratos de mídia e financeiros de clubes de futebol como Milan, Inter ou Werder Bremen.

O negócio custou aos chineses 1,05 bilhão de euros (R$ 3,3 bilhões).

Há três semanas, o grupo Wanda se tornou a primeira empresa chinesa acionária de um grande clube europeu ao acertar a compra de 20% do Atlético de Madri. A compra, que lhe custou 45 milhões de euros (R$ 143 milhões), foi classificada pelo dono do conglomerado, Wang Jianlin, como uma "pechincha".

Nos últimos anos o futebol chinês tem investido para atrair jogadores e treinadores estrangeiros, incluindo brasileiros. Entre as principais contratações para a nova temporada estão o atacante Diego Tardelli, que trocou o Atlético pelo Shandong Luneng, e Ricardo Goulart, transferido do Cruzeiro para o Guangzhou Evergrande.