Nos pênaltis, Costa do Marfim fatura a Copa Africana após 23 anos

Esse é o segundo título continental da história dos Elefantes, que conquistaram a taça pela primeira vez em 1992

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Costa do Marfim venceu Gana, nos pênaltis por 9 a 8, após empate sem gols no tempo normal e na prorrogação
Reprodução/Facebook
Costa do Marfim venceu Gana, nos pênaltis por 9 a 8, após empate sem gols no tempo normal e na prorrogação

A Costa do Marfim encerrou um jejum de 23 anos sem conquistar o título da Copa Africana de Nações. Neste domingo (8), a equipe venceu Gana, nos pênaltis por 9 a 8, após empate sem gols no tempo normal e na prorrogação.

O herói do título foi o goleiro Barry, que, mesmo machucado, converteu a última cobrança logo depois de defender a batida do goleiro ganense, Razak.

Esse é o segundo título continental da história da Costa do Marfim, que conquistou a taça pela primeira vez em 1992.

A nova campeã africana atuou na competição sem o atacante Didier Drogba, 36, um dos maiores nomes de sua história, que se aposentou da seleção.

A edição de 2015 da Copa Africana de Nações foi disputada em Guiné Equatorial.

Leia tudo sobre: maldicaobruxocosta do marfimcopa africana de naçõesgana