Atlético domina o Mamoré, vence e assume a ponta

Equipe de Patos de Minas tentou dificultar, mas Jemerson e Luan se encarregaram de garantir a vitória alvinegra

iG Minas Gerais | BRUNO TRINDADE |

ESPORTES BH MG: LANCES DA PARTIDA ENTRE MAMORE X ATLETICO MINEIRO, EM PATOS DE MINAS, MG ,  VALIDA PELA SEGUNDA RODADA DO CAMPEONATO MINEIRO 2015 . NA FOTO: 

FOTOS: DENILTON DIAS / O TEMPO / 06.02.2015
DENILTON DIAS / O TEMPO
ESPORTES BH MG: LANCES DA PARTIDA ENTRE MAMORE X ATLETICO MINEIRO, EM PATOS DE MINAS, MG , VALIDA PELA SEGUNDA RODADA DO CAMPEONATO MINEIRO 2015 . NA FOTO: FOTOS: DENILTON DIAS / O TEMPO / 06.02.2015

Um time entrosado, compacto, com variação de jogadas e com atletas que desequilibram quando o time mais precisa. Ainda é cedo para se fazer uma avaliação sobre o Galo de 2015, porém, já é possível constatar as boas impressões deixadas pelo time de Levir Culpi. Com boa movimentação, Victor inspirado e Luan decisivo, o alvinegro venceu o Mamoré por 2 a 0, neste sábado, no estádio Bernardo Queiroz, pela segunda rodada do Campeonato Mineiro.

Jemerson e Luan marcaram para os tentos do triunfo. O resultado coloca o clube da capital na liderança do Estadual, com seis pontos e 100% de aproveitamento. Já o Sapo começa a se preocupar após a segunda derrota seguida e a lanterna da competição, com oito gols sofridos em apenas dois jogos.

Com mais qualidade técnica, o Atlético comandava as principais ações no início da partida. Diante de um gramado ruim, o Galo explorou bastante a jogada aérea, levando muito perigo. Leonardo Silva, logo a 1 min, Lucas Pratto, aos cinco, desperdiçaram boas chances pelo alto. Na terceira oportunidade, o alvinegro não perdoou. Após cruzamento de Dátolo pela esquerda, Pratto escorou para trás e Jemerson chutou duas vezes para abrir o marcador, aos 11 min.

Quando a partida parecia controlada, o zagueiro Jemerson acabou derrubando o lateral Bruno Limão, aos 26 min, e o árbitro marcou pênalti. A instabilidade do Mamoré em campo com o revés parcial, aliado à pressão devido a goleada sofrida na primeira rodada, ficou visível quando Bruno Aquino e Diego Sales brigaram para bater a penalidade. A responsabilidade ficou com Sales, que bateu rasteiro e viu Victor se esticar para defender e manter a vitória parcial alvinegra.

No segundo tempo, o jogo caiu de qualidade, com um ritmo menor do que as equipes apresentaram na primeira etapa. O Atlético voltou melhor e, novamente, tinha a bola aérea como sua melhor opção. Dátolo, Luan e Pedro Botelho buscavam bastante esse tipo de jogada, não aproveitada pelo ataque alvinegro. Mesmo em desvantagem no placar, o Mamoré apostava nos contra-ataques, porém esbarrava nos erros de passe.

Pouco incomodado no sistema defensivo, o Galo foi pra cima e conseguiu seu segundo gol. Aos 17 min, Luan arriscou de fora da área, e acertou o canto direito do goleiro Gilberto, ampliando o marcador. Sem reação do Mamoré, o Atlético administrou o resultado e garantiu mais uma vitória no Campeonato Mineiro.  

Leia tudo sobre: atleticogalomamorepatos de minasvitoriajemersonluanmineiro