Governador Pimentel diz que o clima é 'de caça às bruxas'

Segundo o petista, o partido não aceita "pré-julgamentos, denúncias infundadas

iG Minas Gerais | Lucas Pavanelli/Isabella Lacerda |

Festa de 35 anos do Partido dos Trabalhadores (PT), no MinasCentro, em Belo Horizonte, reuniu militantes petistas, militantes tucanos, manifestantes e líderes políticos, como o tesoureiro do PT João Vaccari, que aparece na foto.
DENILTON DIAS / O TEMPO
Festa de 35 anos do Partido dos Trabalhadores (PT), no MinasCentro, em Belo Horizonte, reuniu militantes petistas, militantes tucanos, manifestantes e líderes políticos, como o tesoureiro do PT João Vaccari, que aparece na foto.

Governador de Minas, Fernando Pimentel, afirmou em discurso na festa de 35 anos do PT que os adversários "dormem a noite sonhando com a ditadura". "Isso que está por trás desse clima de caça as bruxas", afirmou.

Segundo o petista, o partido não aceita "pré-julgamentos, denúncias infundadas e esse clima de caças a bruxas", mas disse que a melhor avaliação sobre os rumos do partido não é a externa, mas sim feita pelo próprio PT.

"Os momentos nem sempre foram favoráveis. Nunca foi fácil para a gente. Temos erros, imperfeições, mas sabemos corrigir. Não temos medo de problemas, sempre foi difícil", ressaltou Pimentel, encerrando o discurso de pouco mais de 10 minutos. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave