Militantes acreditam que oposição tem medo que Lula volte em 2018

Medo da volta do ex-presidente estaria motivando os ataques da oposição e da imprensa nacional

iG Minas Gerais | GUILHERME REIS |

Para os militantes do Partido dos Trabalhadores (PT) que estão em Belo Horizonte para comemorar os 35 anos da sigla, a mídia e a oposição estão criminalizando o PT por medo de o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva ser o candidato à presidência em 2018.

De acordo com um militante do diretório petista goiano, a oposição teme por não voltar ao poder. "Os ataques ao PT são seletivos. A oposição e a mídia que pertence à elite econômica sabem que o PT governa para a classe mais pobre e trabalhadora. Eles viram a Petrobras como um meio para destruir o partido porque sabem que em 2018 o Lula pode voltar. Eles têm medo do Lula" disse o petista, que ainda destacou que existe na militância do partido um clima de volta Lula.

Outra militante gaúcha ressaltou que aqueles do partidos que causaram prejuízo a Petrobras devem ser punidos, mas negou que a corrupção seja geral na legenda. "As irregularidades estão sendo investigadas, quem estiver envolvido deve ser expulso da legenda. Mas o não se pode criminalizar o PT que fez o país mudar", defendeu.

Além do retorno de Lula, os correligionários afirmaram confiar na presidente Dilma e nos ajustes que ela está fazendo na economia. Os militantes não quiseram se identificar porque suas posições não são oficiais.

Leia tudo sobre: lulamilitantesaniversárioPT35 anosouro minasluiz inacio lula da silva