Defesas sólidas para o clássico entre Sada e Minas

Líbero celeste, Serginho, é o mais eficiente na defesa na Superliga, enquanto o ponteiro minastenista Canuto está no topo da recepção

iG Minas Gerais | THIAGO PRATA |

Líbero do Sada afirmou que conduta dos russos dá a impressão de falta de humildade
RONALDO SILVEIRA
Líbero do Sada afirmou que conduta dos russos dá a impressão de falta de humildade

Grandes confrontos podem ser decididos nos detalhes. Ainda mais quando o jogo em questão se trata de um clássico. É o que se desenha para o duelo deste sábado, às 17h, entre Sada Cruzeiro e Minas Tênis Clube, no ginásio do Riacho. Alguns fatores que tendem a ser cruciais para o sucesso de uma das equipes na partida são a defesa e a recepção. E cada time conta com um atleta especialista em um dos fundamentos, o que pode pesar na queda de braços.

Enquanto o líbero do time celeste, Serginho, é, de longe, o melhor jogador no quesito defesa, com 37,5% de eficiência, o ponta minastenista Canuto está no topo da lista de recepção do torneio, com 59,87%.

Apesar de ser ponteiro de ofício, Canuto vem mostrando também habilidade na recepção, tornando-se peça-chave na construção de ataques fortes a favor do Minas na Superliga.

“Estou feliz por estar em primeiro lugar na recepção, mas o mais difícil é manter isso. O meu objetivo, primeiramente, é ajudar a equipe. Depois, as coisas vão fluindo. Espero fazer bons jogos para manter o bom aproveitamento”, afirmou o atleta minastenista.

Por sua vez, Serginho é o principal jogador da competição quando o assunto é a defesa. No entanto, ele prefere não pensar muito nesta estatística, mas sim com os números apresentados pelo time num todo.

"Não me apego muito aos números individuais não. Obviamente que é uma motivação, mas acho que o mais importante mesmo é pensar coletivamente. A gente tem que pensar em melhorar sempre os números do time. Quando sou lembrado é por conta do grupo e não pelo individual”, declarou o líbero celeste.

Venda de ingressos

Preços: R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia entrada) Locais de venda: Sede do Barro Preto, das 9h às 17h de sábado, e ginásio do Riacho, das 8h até o início da partida no domingo.  

Leia tudo sobre: Sada CruzeiroMinas Tênis ClubeSerginhoCanuto