Real bate Sevilla e abre quatro pontos de vantagem sobre o Barça

Ex-cruzeirense Lucas Silva ficou no banco de reservas, mas não foi acionado pelo técnico Ancelotti neste jogo

iG Minas Gerais | AFP |

James Rodríguez marcou o primeiro gol do jogo antes de ser substituído com dores no pé
Real Madrid/Divulgação
James Rodríguez marcou o primeiro gol do jogo antes de ser substituído com dores no pé

Três dias antes de encarar o Atlético num dérbi que tem tudo para ser decisivo na luta pelo título, o Real Madrid ganhou mais folga na liderança ao derrotar o Sevilla por 2 a 1, nesta quarta-feira, no estádio Santiago Bernabeu. Válida pela 16ª rodada do Campeonato Espanhol, a partida foi adiada por conta da participação dos 'Merengues' ao Mundial de clubes, em dezembro, no Marrocos. Com o resultado, o Real chegou aos 54 pontos, quatro de vantagem sobre o arquirrival Barcelona e sete sobre o Atlético. A vitória, porém, teve um sabor amargo, já que o técnico Carlo Ancelotti corre sério de encarar o dérbi sem o zagueiro Sergio Ramos e o colombiano James Rodríguez, que se lesionaram ainda no primeiro tempo. Ramos sentiu dores na coxa e pediu para ser substituído logo aos 9 minutos de jogo. Já James abriu o placar para o Real aos 12, quando compleou de peixinho para as redes um cruzamento do brasileiro Marcelo, mas deixou o campo aos 25, parecendo sentir um incômodo no pé. Seu substituto, o jovem espanhol Jesé, aproveitou a oportunidade para ampliar o marcador aos 36. O atacante de 21 anos, que ficou fora da copa do Mundo por conta de uma grave lesão no joelho, anotou seu primeiro gol da temporada ao acertar um belo chute de primeira, num cruzamento de Benzema levemente desviado por Isco. O Sevilla saiu perdendo por 2 a 0 no intervalo apesar de criar várias chances no primeiro tempo, a maior delas aos 18, quando Ibarra acertou a trave após receber um belo passe de Vitolo. O time andaluz continuou pressionando na etapa final, mas o gol veio tarde demais, aos 35, em outra grande jogada de Vitolo, que cruzou na medida para Iago Aspas completar para as redes. O fim de jogo foi bastante tenso, mas os 'Merengues' conseguiram segurar o resultado. Contra o Atlético, o Real não sabe se poderá contar com James e Ramos, mas deve melhorar com a volta do craque português Cristiano Ronaldo, que cumpriu suspensão nesta quarta-feira.

Leia tudo sobre: real madridespanholfutebollider