Para tirar Cristiano do Real Madrid é preciso mais de R$ 3 bi

Segundo empresário do atleta, clube merengue poderia estipular em um R$ 1 bi o valor de sua venda que acharia comprador; só o passe custa R$ 3 bi

iG Minas Gerais | Da redação |

Cristiano apresenta a chuteira de ouro, mais um prêmio que faturou em sua carreira
Reprodução Facebook Real Madrid
Cristiano apresenta a chuteira de ouro, mais um prêmio que faturou em sua carreira

Atual vencedor do Bola de Ouro, Cristiano Ronaldo viveu um ano de glórias com o Real Madrid e é um dos atletas ais valiosos do mundo. Segundo seu empresário Jorge Mendes, o jogador é tão bom que somente seu passe chega a valer mais de R$ 1 bilhão.

“Se, por qualquer razão, o clube decide vender ele amanhã por 300 milhões de libras, alguém irá pagar“ afirmou ele, em entrevista à TV BBC.

Não bastasse a altíssima cifra, Jorge ainda fez questão de lembrar que o preço para tirar o português do Real Madrid é ainda mais exorbitante. De acordo com ele, o clube merengue estipulou nada menos que 1 bilhão de libras, ou R$ 3 bilhões de euros, como multa rescisória.

“Ele é o melhor jogador da história. Você não pode compará-lo com mais ninguém. Cristiano Ronaldo? Um bilhão (de euros). A multa rescisória é de um bilhão, então é isso. É impossível achar alguém como ele”, cravou o empresário.

A declaração serve para esfriar as especulações de uma possível volta ao Manchester United-ING, clube que aliás tem demonstrado interesse em contar com o atleta.

Leia tudo sobre: cristiano ronaldopassereal madridcr7multa rescisória