Dono de empreiteira entrega à PF documentos contra ex-diretor daDuque

Augusto Ribeiro de Mendonça Neto, um dos delatores do esquema de corrupção, entregou na segunda-feira (2) papelada que sugere que Duque recebeu dinheiro de desvio

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Envolvimento. Ex-diretor de Serviços, Renato Duque pode ser convocado a depor na CPI da Petrobras
PROMMINP / DIVULGAção
Envolvimento. Ex-diretor de Serviços, Renato Duque pode ser convocado a depor na CPI da Petrobras

O dono da Setal Engenharia, Augusto Ribeiro de Mendonça Neto, entregou  à Polícia Federal, na segunda-feira (2), documentos que comprovariam que o ex-diretor de e Serviços da Petrobras, Renato de Souza Duque, recebeu propina.

Segundo o portal G1, entre os papeis entregues estão notas fiscais, cópias de contratos e comprovantes de transferências bancárias. Neto também é um dos delatores do esquema de lavagem de dinheiro, investigado pela PF.

O ex-diretor da Petrobras chegou a ser preso em novembro de 2014, quando a Polícia Federal colocou em andamento a sétima fase da Operação Lava Jata. Duque deixou a prisão em dezembro, após ter mandado acatado pelo ministro Teori Zavascki.