Chelsea agita o último dia da janela de transferências

Badalação na Premier League foi única novidade no fechamento do mercado europeu

iG Minas Gerais | AFP |

Cuadrado foi contratado nos momentos finais da janela
Divulgação
Cuadrado foi contratado nos momentos finais da janela

A janela de transferências do inverno europeu, que fechou nesta segunda-feira, foi bastante calma, com apenas a Premier League inglesa anunciando contratações de peso nas últimas horas do mercado.

O destaque fica por conta do Chelsea, que comprou o colombiano Cuadrado e vendeu o alemão Schürrle.

INGLATERRA

Com pouco espaço no Chelsea, o campeão mundial Andre Schürrle, autor dos dois últimos gols da Alemanha sobre o Brasil na humilhante derrota por 7 a 1 na semifinal da Copa do Mundo, foi repatriado pelo Wolfsburg. Com os 32 milhões de euros arrecadados, o clube londrino conseguiu comprar por 35 milhões o colombiano Juan Cuadrado, da Fiorentina. O clube toscano também conseguiu o empréstimo do egípcio Mohamed Salah, outro meia encostado nos "Blues".

O Manchester United chegou a oferecer 46 milhões de euros pelo jovem zagueiro brasileiro Marquinhos, mas o Paris Saint-Germain se recusou a vender o jogador de 20 anos, que amarga a reserva desde a contratação de David Luiz.

O Tottenham quer vender o Adebayor, Queens Park Rangers e Stoke City estão interessados, mas o togolês não quer deixar os "Spurs" por um clube de menor expressão.

O escocês Darren Fletcher, do Manchester United, está na mira do West Ham. Os "Hammers" querem contratá-lo por empréstimo, mas os "Red Devils" preferem vendê-lo. O West Ham também estava de olho em Gomis, mas a venda do marfinense Wilfried Bony ao Manchester City deu mais tempo de jogo ao francês.

O italiano Santon volta à Inter de Milão, o clube onde foi revelado. O zagueiro estava no Newcastle desde 2011 e foi emprestado pelos "magpies" ao time "nerazzurro".

 

ALEMANHA

Enquanto o líder Bayern de Munique preferiu se livrar de jogadores encostados, como o suíço Shaqiri, vendido à Inter de Milão, e o dinamarquês Hojbjerg, ao Augsbourg, o vice Wolfsburg conseguiu a maior contratação da janela na Bundesliga ao tirar Schürrle do Chelsea. Com o meia, os "Lobos" tentarão acabar com a hegemonia dos "bávaros", que têm oito pontos de vantagem na ponta. O primeiro passo foi dado na sexta-feira, com a goleada de 4 a 1 que acabou com a invencibilidade do atual bicampeão na competição.

O mesmo Wolfsburg vendeu o veterano croata Ivica Olic, de 35 anos, ao Hamburgo, por 1,5 milhão de euros.

O atual vice-campeão Borussia Dortmund, que amarga a lanterna, contratou apenas o meia esloveno Kampl, que jogava no Red Bull Salzburg.

ESPANHA

A janela fechou na sexta-feira, um pouco mais cedo do que nos outros países europeus. Poucas negociações de peso agitaram o mercado, mesmo porque o Barcelona está proibido de contratar até 2016, por conta de uma punição da Fifa por não cumprir o regulamento na transferência de jogadores menores de idade.

A contratação mais marcante foi o retorno do "filho pródigo" Fernando Torres ao Atlético de Madrid, sete anos depois de sua saída para a Inglaterra, onde conquistou a glória no Liverpool e fracassou no Chelsea.

O Real apostou em duas promessas. A primeira já é realidade: o volante brasileiro Lucas Silva, de 21 anos, bicampeão nacional com o Cruzeiro, que já faz parte dos planos do técnico Carlo Ancelotti. O menino-prodígio norueguês Martin Odegaard, de 16 anos, que era alvo de todos os grandes clubes europeus, vai começar no time B "merengue", para aprender junto com o "professor" Zinedine Zidane.

Já o Valencia contratou por 25 milhões de euros o meia Enzo Perez, vice-campeão mundial com a seleção argentina no Brasil, que jogava no Benfica.

ITÁLIA

O "Calcio" perdeu mais uma estrela com a saída de Cuadrado da Fiorentina.

A Inter foi bastante ativa no mercado, contratando, além de Shaqiri, o campeão mundial Lukas Podolski, emprestado pelo Arsenal.

A Sampdoria, que está na briga por uma vaga na próxima edição da Liga dos Campeões, buscou nada menos do que cinco reforços, com destaque para o camaronês Samuel Eto'o (ex-Everton) e o colombiano Luis Muriel (ex-Udinese).

A Roma contratou o atacante marfinense Seydou Doumbia (ex-CSKA Moscou), que poderá formar a dupla de ataque com o compatriota Gervinho, com o qual está disputando a Copa Africana de Nações.

O ataque "Giallorosso" também conta com o reforço do colombiano Ibarbo, emprestado pelo Cagliari.

A Fiorentina repatriou dois jogadores que atuavam na China,  Diamanti e Gilardino (Guangzhou), enquanto o Napoli contratou a promessa Gabbiadini junto à Sampdoria.

FRANÇA

O mercado foi bastante calmo, com cerca de 30 contratações. A que teve mais repercussão foi a chegada de Ben Arfa ao Nice. Eterna promessa do futebol francês, o meia de 27 anos teve sua transferência vetada pela Fifa por já ter atuado em dois clubes na atual temporada - o time B no Newcastle e o Hull City.

O Olympique de Marselha anunciou nas últimas horas desta segunda-feira a contratação por empréstimo do jovem argentino Lucas Ocampos, do Monaco, que jogará sob o comando do compatriota Marcelo Bielsa.