Skype testa tradução simultânea em chamadas de vídeo

Russo e chinês podem ser próximos idiomas adicionados ao serviço

iG Minas Gerais | Quentin Hardy |

Automático. 
Repórter norte-americano, falando em inglês, entrevista colombiano, que responde em espanhol
JIM WILSON
Automático. Repórter norte-americano, falando em inglês, entrevista colombiano, que responde em espanhol

O setor de tecnologia está fazendo de tudo para superar a Torre de Babel. O Skype – serviço de voz e vídeo da Microsoft – iniciou a tradução simultânea entre usuários de língua inglesa e espanhola. Para não ficar atrás, o Google em breve deve anunciar as atualizações de seus aplicativos para celulares para o mesmo fim.

Hoje o Google Translate oferece tradução escrita de 90 idiomas e a possibilidade de ouvir a versão falada nos mais comuns; na atualização, o aplicativo reconhecerá automaticamente, se a pessoa estiver usando uma das línguas mais faladas, e a transformará em texto.

É certo que a tecnologia de tradução de um idioma para o outro ainda pode ser um desastre completo – ou “erva completa” como supostamente eu teria dito em um teste do Skype. O serviço também exige um fone e funciona melhor quando uma pessoa faz uma pausa para ouvir a outra. A experiência foi mais ou menos como se dois atendentes de telemarketing estivessem usando walkies-talkies.

Mas essa reclamação é, no mínimo, grosseira se formos pensar no que parece um milagre fundamental: em questão de minutos eu peguei o jeito do processo e comecei a falar normalmente com um colombiano sobre sua família e a vida em Medellín (ou “Me dê A”, como o Skype ouviu primeiro, mas depois corrigiu). A única grande barreira que nos separa – a língua – tinha começado a desaparecer.

Esses erros são parte essencial no processo de aprimoramento dos produtos on-line. Eles vão melhorando com o uso, conforme os programas examinam os resultados e ajustam o desempenho. É assim que a verificação da ortografia se torna confiável, e a busca, indicações de rotas em mapas e muitas outras ofertas se aperfeiçoam.

“O programa aprende enquanto você usando as conversas” – é assim que Sebastian Cuberos, meu novo amigo da Colômbia, fala durante a ligação. “A essa hora, é muito bom”. A gramática não é perfeita, mas dá para entender o que ele quer dizer.

Apenas alguns milhares de pessoas estão usando o tal serviço – e conforme for aprendendo com elas, abrangerá mais 40 mil que estão dispostas a experimentar a conexão inglês-espanhol. E mesmo nesse estágio inicial, permite a realização de aulas de estudos sociais com crianças nos EUA e no México ou jornalismo quando se pode falar ao vivo com uma família na Síria.

A Microsoft tem milhares de pessoas em lista de espera no Skype para testar a oferta de tradução simultânea de outros idiomas como chinês e russo.

Google traduz até idiomas da ficção

O navegador Chrome já oferece a tradução automática das páginas da rede em algumas das principais línguas do mundo. Assim, quem usa o navegador pode transformar informações que estão em inglês para o coreano, por exemplo. Outros 140 idiomas podem ser aplicados para alterar coisas como a configuração do Gmail.

É possível até fazer seu e-mail funcionar em linguagens como klingon, pirata e Hortelino Trocaletras. Outras opções, como cherokee, são mais sérias, e o Google pretende inclui-la entre os idiomas com tradução integral. E deve anunciar em breve um serviço que permite que o usuário aponte o telefone para uma placa de rua estrangeira e gere a tradução automática na tela.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave