'A Ferrari é algo especial', afirma Vettel em seu primeiro dia

Alemão foi o mais rápido no treino inicial da F-1 e evitou dar posição sobre como sera o desempenho de seu carro

iG Minas Gerais | Folhapress |

Vettel será o titular da escuderia em 2015, no lugar de Fernando Alonso que assinou com a McLaren
Divulgação/ Twitter
Vettel será o titular da escuderia em 2015, no lugar de Fernando Alonso que assinou com a McLaren

Mais rápido no primeiro dia de treinos da F-1 em Jerez de la Frontera, no domingo (1), Sebastian Vettel disse já estar sentindo a diferença de ser um piloto Ferrari apesar de ter apenas alguns meses como titular do time de Maranello.

"Não quero parecer ingrato com a Red Bull, pois sempre tivemos uma ótima relação e conquistamos muitas coisas juntos. Mas a Ferrari é algo especial. Claro que para mim foi uma grande mudança, mas passei o inverno trabalhando na adaptação e acho que estou começando a me encaixar nesta família", disse o tetracampeão.

"Acho que o ambiente na Ferrari é mais parecido com o que eu tinha na Toro Rosso, que é italiana também. Minha meta agora é trabalhar no meu bronzeado para representar bem o time italiano. Acho que estou meio pálido ainda", divertiu-se o piloto, que no ano passado, pela primeira vez desde 2007, terminou uma temporada sem vencer ao menos uma corrida.

"Claro que o ano passado não foi o mais feliz da minha carreira, mas estou motivado e acho que temos um grande potencial. Estou pronto para tentar de novo e é por isso que estou aqui. Este primeiro dia de testes foi bom, tive uma boa impressão do carro e tivemos alguns problemas de telemetria, mas, no geral, acho que foi um bom começo", afirmou Vettel.

"Não fizemos uma quantidade muito significativa de voltas [60 no total] e obviamente eu queria ter andado mais. Mas a sensação foi boa e ainda é um pouco cedo para dizer onde estamos neste estágio".

Leia tudo sobre: f-1carrovetteltreinoferrari