Bom desempenho da Mercedes em Jerez não surpreende concorrência

Nico Rosberg completou 157 voltas neste domingo (1º), na Espanha, sem reportar problemas

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

O bom desempenho da Mercedes no primeiro dia de treinos da pré-temporada da F-1 em Jerez de la Frontera não foi uma surpresa para seus principais adversários.

Depois de ver Nico Rosberg completar 157 voltas neste domingo (1º), na Espanha, sem reportar problemas, Adrian Newey, projetista da Red Bull, afirmou que já esperava que isso ocorresse.

"Honestamente não foi uma surpresa. Desde o ano passado eles estão com um carro bastante confiável e não seria diferente agora. Obviamente eles continuam sendo os favoritos. Eles têm uma grande equipe e uma excelente unidade de potência", afirmou Newey.

Responsável por testar a Red Bull neste primeiro dia de treinos em Jerez, Daniel Ricciardo completou 35 voltas com o RB11, que ganhou uma pintura camuflada para as sessões de ensaios - ele ficou com o quarto melhor tempo do dia, que foi liderado por Sebastian Vettel, da Ferrari.

"Não estou surpreso com o que eles fizeram nem estou intimidade. Eles apenas estão refinando o carro que tinham no ano passado. Mas acho que alcançá-los é uma meta realista para nós neste ano", disse Ricciardo.

Mesma impressão teve Fernando Alonso, que estreou pela McLaren.

"Eles já tinham a vantagem de performance no ano passado e têm tudo para, pelo menos no início, começar bem esta temporada. Apesar de achar que eles serão o time a ser batido, não acredito que eles irão ganhar tanto como em 2014", afirmou o espanhol.

Mais veloz do dia, Vettel também disse acreditar em mais um ano de superioridade da Mercedes. "Sem dúvida eles continuam sendo a referência. Só torço para que eles não estejam tão fortes como no ano passado", disse o ferrarista.

Leia tudo sobre: formula 1jerezferrari