Sada Cruzeiro bate São Bernando e conquista 17ª vitória na Superliga

Equipe mineira confirmou o favoritismo no torneio nacional ao conseguir mais um triunfo fora de casa, desta vez por 3 sets a 1

iG Minas Gerais | GISELLE FERREIRA |

Mais um triunfo confirma o favoritismo do Sada Cruzeiro na Superliga masculina de vôlei. O time celeste entrou em quadra na tarde deste sábado em São Bernardo do Campo contra os donos da casa, o São Bernardo Vôlei, e derrotou os anfitriões por 3 sets a 1, com parciais de 15/25, 25/21, 19/25 e 23/25. A vitória mantém o Sada na liderança isolada da competição, com 50 pontos conquistados em 18 jogos disputados. A equipe mineira perdeu apenas uma partida até aqui. Até a próxima rodada, o Sada Cruzeiro terá pouco tempo e descanso. Na segunda-feira, os cruzeirenses vão até o Sul do país encarar o Vôlei Canoas-RS, a partir de 18h30. Já o São Bernardo Vôlei recebe o Montes Claros Vôlei na próxima quarta-feira, às 19h. O jogo. O time celeste entrou em quadra com Fernando Cachopa, PV, Filipe, Kadu, Éder, Douglas Cordeiro, além do líbero Serginho. Já na primeira etapa, a equipe estrelada demonstrava que não tinha ido ao ABC Paulista a passeio e abriu 4 pontos de frente antes da primeira parada técnica. Em alguns minutos o time, sobrando em quadra, fechava o set com 10 pontos de vantagem (25/15). Na segunda etapa, o time da casa reagiu e rapidamente fez 10 a 5. O Cruzeiro chegou a encostar no placar, mas, com alguns desfalques, cometeu erros que não costumam acontecer e não conseguiu evitar a vitória do São Bernardo. Mais firme na terceira parcial, o Sada Cruzeiro abriu 8 a 3 e permaneceu na frente dos donos da casa até o final do set. O time comandado por Marcelo Mendez voltou a apresentar um bom ritmo de jogo e contou com erros adversários par fechar o set em 25 a 19. Equilibrando novamente a partida, o São Bernardo largou na frente no quarto set e fechou em 8 a 6 no primeiro tempo técnico. O oposto Wallace e o levantador William, que já haviam entrado desde a segunda etapa, foram, então, fundamentais para garantir a vitória da equipe mineira. Com uma disputa acirrada, o Cruzeiro virou o placar para 14 a 13 e, graças ao ataque mortal de Wallace – que marcou 16 pontos no jogo – fechou a parcial em 25 a 23.

Leia tudo sobre: sada cruzeirovoleisuperligaesportesadacruzeiro