Antes de começar, 3ª divisão do Paulista já tem vitória por WO

Partida não foi realizada devido à falta de regularização do estádio e pela não indicação de outro local

iG Minas Gerais | Folhapress |

Antes de a bolar rolar, a Série A3 do Campeonato Paulista vive uma situação inusitada. A FPF (Federação Paulista de Futebol) determinou a derrota por WO do Cotia para o Sertãozinho, pela primeira rodada da competição.

De acordo com a entidade, a partida não será "realizada em função da falta de regularização do estádio [Euclides de Almeida, do Cotia] e da não indicação de outro local para o jogo, no prazo regulamentar". Com isso, o clube foi punido com um WO conforme o artigo 33 do parágrafo 15º do Regulamento Geral das Competições.

O Cotia deveria indicar um novo local para a partida até o dia 23 de janeiro, o que não aconteceu.

"Tínhamos até sexta passada para apresentar um novo local. Fechamos para jogar em Barueri, mas não conseguimos a assinatura com o secretário municipal de esportes [o ex-jogador do Corinthians e da seleção Paulo Sérgio], que estava viajando. Apresentamos a documentação na FPF apenas na segunda-feira (27)", explicou o presidente do Cotia, Wanderley Tajuka.

"Vamos esperar a citação do TJD [Tribunal de Justiça Desportiva] e apresentar a nossa defesa. Esperamos reaver essa decisão e que o jogo seja realizado", acrescentou o dirigente.

O estádio Euclides de Almeida está interditado desde setembro de 2013. O local não possui os laudos da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros.

No ano passado, a equipe mandou suas partidas em Taboão da Serra, Javari, Araras, Penapolis, Matão, Marília e Jundiaí.

De acordo com a tabela da FPF, o Cotia volta a campo na próxima quarta-feira (4), quando enfrenta o Flamengo de Guarulhos fora de casa.

Leia tudo sobre: WOestádioSão PauloPaulista