Segundo ONS, média de chuvas de fevereiro devem seguir abaixo da média

Segundo o G1, na melhor das hipóteses estimadas pela ONS, 67% da média normal em fevereiro deverá chegar às represas do Sudeste e do Centro-Oeste

iG Minas Gerais | da redação |

Ministro admite racionar energia se nível de reservatórios cair a 10%
Luiz Alves/Agëncia Senado 17.11.2012
Ministro admite racionar energia se nível de reservatórios cair a 10%

A crise elétrica deve perdurar por mais um tempo, já que as chuvas esperadas para resolver o problema devem continuar bem abaixo da quantidade habitual em fevereiro. Segundo relatório do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), no qual foi projetado três situações diferentes para a quantidade de água que chegaria às represas até o fim do próximo mês, o volume de água deve se manter abaixo do habitual.

Segundo o G1, na melhor das hipóteses estimadas pela ONS, 67% da média normal em fevereiro deverá chegar às represas do Sudeste e do Centro-Oeste. No pior cenário, somente 38% da água chegaria aos reservatórios.

A falta de chuvas vem comprometendo a produção de energia no Brasil. A crise elétrica alcançou um ponto alarmante após as hidroelétricas de Paraibuna e Santa Branca, em São Paulo, terem deixado de gerar energia devido à falta de água. Algo que nunca havia sido registrado pela ONS.

A ausência de chuvas vem em um período em que é comum às chuvas na região Sudeste, entre novembro e abril. Momento no qual as represas se enchem.

Segundo o ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, não há a necessidade de um racionamento energético, pois o sistema ainda consegue atender a necessidade. Entretanto, o ministro assumiu que o desafio não é pequeno.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave