Tentativas de roubo deixam um morto e um ferido na zona leste de SP

O ladrão atirou contra a vítima e fugiu à pé sem levar nada; vítima foi levada ao Hospital da Vila Alpina, mas não resistiu ao ferimento e morreu

iG Minas Gerais | Folhapress |

Um empresário morreu e uma fisioterapeuta ficou ferida em duas tentativas de roubo, na zona leste de São Paulo, na noite de quinta-feira (29). Nenhum suspeito foi preso.

Por volta das 20h, um empresário parou o carro, um Honda CRV, no semáforo na rua Marari, na região da Vila Alpina, quando um homem armado bateu no vidro do carro e anunciou o roubo. Ele estava acompanhado da mulher e da cunhada, que saíram ilesas.

A mulher do empresário disse à polícia que ele se assustou com a abordagem e tirou o pé do freio. O carro, que estava em uma ladeira, desceu. O ladrão atirou contra a vítima e fugiu à pé sem levar nada. A vítima foi levada ao Hospital da Vila Alpina, mas não resistiu ao ferimento e morreu.

A fisioterapeuta foi baleada na rua Padre Carlos da Silva, no bairro Alto da Mooca, por volta das 22h. Ela conversava com uma amiga ao lado do carro quando três jovens ser aproximaram e anunciaram o roubo.

Após recolherem o celular de uma das mulheres, um dos jovens entrou no carro da fisioterapeuta, que estava com a porta aberta.

Segundo a Polícia Civil, ela reagiu e foi baleada na mão. Os suspeitos fugiram levando apenas o celular.

A mulher baleada foi levada ao Hospital Villa-Lobos, onde foi medicada e passa bem. Os dois casos foram registrados no 56º DP (Vila Alpina).