Dátolo coloca camisa 10 como segundo plano: "Tenho de render em campo"

Argentino é o único armador de ofício do atual elenco, é o principal candidato a assumir a camisa deixada por Ronaldinho

iG Minas Gerais | DIEGO COSTA E FERNANDO ALMEIDA |

Dátolo está pronto para levar a melhor em encontro o argentino Dátolo
BRUNO CANTINI/ATLÉTICO
Dátolo está pronto para levar a melhor em encontro o argentino Dátolo

A torcida do Atlético ainda clama por um novo reforço para a temporada 2015, um camisa 10 que chegue para assumir a titularidade e dê mais liberdade para Jesús Dátolo continuar com seu bom rendimento em assistências a gol.

Único armador de ofício na equipe titular do Atlético neste início de 2015, o meia argentino vestiu a camisa 10 na vitória por 4 a 2 no amistoso contra o Shakhtar Donetsk-UCR. Contudo, os números para a temporada ainda não estão definidos - Lucas Pratto, por exemplo, vestiu a 9 e ainda não sabe qual número colocará em suas costas.

Apesar de colocar como "um sonho" vestir a 10 do Galo, Dátolo assegura que pensa somente em manter seu crescimento técnico com a camisa alvinegra e não se importa se manter o número 23.

"É óbvio que todo jogador sonha em vestir a camisa 10. Mas de nada serve vestir e não render em campo. Isso passa em segundo plano para mim. Jogador tem que ser, mesmo usando a 10, tem que dar o seu melhor", afirmou Dátolo.

No começo desta temporada, o técnico Levir Culpi colocou em campo: Victor; Marcos Rocha, Leonardo Silva, Jemerson e Douglas Santos; Leandro Donizete, Rafael Carioca, Dátolo, Luan e Carlos; Lucas Pratto.

Leia tudo sobre: datolomeiacamisa 10argentinoatleticogalo