Comédia polêmica é destaque no cinema

“A Entrevista” narra plano de americanos para matar presidente da Coreia do Norte

iG Minas Gerais |

Humor
. 

“A Entrevista” mostra com humor a Coreia do Norte, um dos países mais isolados do mundo
Sony
Humor . “A Entrevista” mostra com humor a Coreia do Norte, um dos países mais isolados do mundo

 

A semana começa quente com o lançamento de uma comédia que causou muita polêmica ao redor do mundo. Trata-se do filme “A Entrevista” que, por sua história carregada de crítica ao regime da Coreia do Norte, acabou provocando ataques cibernéticos a sua produtora, a Sony Pictures, além de ter gerado o temor de possíveis ataques terroristas a cinemas que o exibissem. “A Entrevista” narra a história dos jornalistas Dave Skylark (James Franco) e seu produtor Aaron Rapoport (Seth Rogen), que comandam um popular programa de TV nos Estados Unidos. Ao descobrirem que o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-Un é fã da atração, eles conseguem uma entrevista com ele, com o objetivo de serem reconhecidos como jornalistas sérios e de sucesso. No entanto, os planos mudam quando a CIA resolve fazer com que eles aproveitem a oportundiade para matá-lo. Apesar da polêmica, que gerou repercussão e publicidade gratuita para o filme, os críticos não têm perdoado a obra. Várias publicações respeitadas mencionaram a comédia como “sem graça”, “estúpido” e “mediocre”. O filme, lançado nos EUA em dezembro, arrecadou somente pouco mais de U$ 6 milhões em bilheteria, diferente da comédia “É o Fim”, também dirigida por Evan Goldberg e Seth Rogen, e que obteve mais de U$ 100 milhões.

“A Entrevista” já está em cartaz nos cinemas da cidade.

 

Cinema

contato: contagem@otempo.com.br

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave