Joel adquire dupla cidadania e abre vaga para estrangeiro no Cruzeiro

Nascido em Camarões, atacante se tornou cidadão brasileiro e agora clube poderá ter mais um gringo em torneios nacionais

iG Minas Gerais |

Washington Alves / Cruzeiro / Light Press
undefined

O atacante camaronês Joel adquiriu dupla cidadania e abriu mais uma vaga para estrangeiros no elenco do Cruzeiro. O atacante figurava como o quinto atleta do exterior no plantel celeste, atingindo o limite permitido pela CBF para inscrição em competições nacionais.

Com a dupla cidadania, a Raposa poderá contar com mais um estrangeiro no elenco. Atual já tem o uruguaio Arrascaeta, os chilenos Mena e Felipe Seymour e o colombiano Riascos.

A regra de ter no máximo cinco atletas de outra nacionalidade inscritos em competições é exclusivo no Brasil. Para torneio sul-americanos, como a Libertadores, organizada pela Conmebol, não há limites. Esta última vaga pode ser ocupada pelo colombiano Sherman Cárdenas, que, segundo a imprensa do país do meia, estaria perto de um acerto com o Cruzeiro.

Leia tudo sobre: cruzeiroraposajoelestrangeirofutebol