Murray vence Berdych e está na final do Aberto da Austrália

Na decisão, britânico enfrentará o vencedor da segunda semifinal, que será disputada na sexta-feira entre Djokovic e Wawrinka

iG Minas Gerais | AFP |

US OPEN/DIVULGAÇÃO
undefined

O britânico Andy Murray, número seis do ranking mundial, se classificou para a final do Aberto da Austrália ao derrotar o tcheco Tomas Berdych (N.7) por 3-1, parciais de 6-7 (6/8), 6-0, 6-3 e 7-5, esta quinta-feira em Melbourne.

Na decisão, Murray enfrentará o vencedor da segunda semifinal, que será disputada na sexta-feira entre o líder do ranking ATP, o sérbio Novak Djokovic, e o suíço Stanilas Wawrinka (N.4), que conquistou o título do Grand Slam australiano em 2014.

A vitória na semifinal da Austrália representa para Murray o retorno ao topo do tênis mundial. O escocês não avançava para uma final de Grand Slam desde que passou por uma cirurgia nas costas em setembro de 2013.

Campeão do US Open em 2012 e de Wimbledon em 2013, Murray nunca venceu o Aberto da Austrália, onde foi vice-campeão em 2010, 2011 e 2013.

Berdych chegou às semifinais embalado, após a vitória fácil sobre o espanhol Rafael Nadal nas quartas de final. Mas depois de um primeiro set equilibrado, no qual o tcheco venceu o tie break, Murray impôs seu ritmo, com trocas de bola e variação de jogo, para conquistar a vitória.

Leia tudo sobre: murraytênisbedychfinalaberto da austrália