Bandidos furtam bilheteria de estação de trem no Rio de Janeiro

De acordo com a Supervia, concessionária que administra os trens de transporte de passageiros, eles levaram cerca de R$ 380 em dinheiro, além de 300 cartões unitários, dois telefones móveis e um fixo

iG Minas Gerais | Folhapress |

Um grupo de criminosos arrombaram nesta terça-feira (27) a bilheteria da estação Costa Barros, no ramal Belford Roxo, na zona norte do Rio.

De acordo com a Supervia, concessionária que administra os trens de transporte de passageiros, eles levaram cerca de R$ 380 em dinheiro, 300 cartões unitários, dois telefones móveis e um fixo, vales-viagem, vales-restituição e outros equipamentos da empresa.

No dia 22 de janeiro, a Supervia fechou a bilheteria da estação Barros Filho, que também fica na região de Costa Barros, por causa da falta de segurança nas proximidades da estação. A região de Costa Barros tem sofrido nos últimos dias com um confronto de facções rivais pelo controle dos pontos de vendas de drogas da área.

A concessionária disse ainda que a segurança pública é atividade típica e exclusiva do Estado, que atua nas estações e trens por meio do GPFer (Grupamento de Policiamento Ferroviário).

Em nota, a Supervia pede ainda que a Secretaria de Segurança mapeie os pontos mais vulneráveis à criminalidade ao longo da rede ferroviária e adote medidas para garantir a integridade dos passageiros e dos funcionários da empresa. A Secretaria de Segurança já informou que planeja instalar uma UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) na região. O caso foi registrado na 39ª Delegacia de Polícia da Pavuna.