Computador causa cansaço e ressecamento nos olhos

No Brasil, 75% da população sofre com o problema, que vem ainda de TV e games

iG Minas Gerais | Raquel Sodré |

Guilherme já teve alguns episódios de CVS, por jogar videogame e trabalhar no computador
Arquivo pessoal
Guilherme já teve alguns episódios de CVS, por jogar videogame e trabalhar no computador

Parado na frente do computador do trabalho, o empresário Guilherme Barreto, 26, começou a sentir os olhos arderem e ficarem vermelhos. Também notou a visão um pouco embaçada, mas achou que fosse por conta de seu astigmatismo.

Na verdade, ele estava sentindo os sintomas da fadiga ocular, ou síndrome da visão no computador (CVS, sigla do inglês “Computer Vision Syndrome”). O mal, segundo pesquisa do Instituto Penido Burnier, de Campinas, em São Paulo, atinge 75% da população do Brasil.

“Já havia sentido isso quando era adolescente e jogava muito videogame. Por instinto, eu dava uma pausa nos jogos, e o incômodo parava. Depois, voltei a sentir de novo, em junho do ano passado, quando trabalhava muito na frente do computador”, conta Barreto.

A CVS é um problema causado por longos períodos de atividade ocular intensa, com sintomas como dor de cabeça, olhos vermelhos, ardência e visão turva. Exemplos bem comuns de causas são trabalho na frente do computador, videogame, leitura, horas na frente da TV.

Nessas situações, piscamos menos e os olhos ficam ressecados. “A retina é lubrificada por uma fina camada de lágrima, o filme lacrimal. Ele faz com que a córnea se torne uma lente de boa qualidade”, explica o oftalmologista Joel Edmur Boteon, professor do Departamento de Oftalmologia da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). É esse ressecamento da córnea que causa a sensação de ardência, de “areia nos olhos” e a visão turva.

Cansaço. A atividade ocular intensa também causa cansaço nos músculos dos olhos. “Quando estamos olhando para um objeto que está perto, usamos a musculatura interior do olho – músculo ciliado. A contração desse músculo faz com que enxerguemos de perto. Como ficamos forçando muito tempo para ver de perto, ele fica em trabalho contínuo. E, como qualquer músculo, quanto mais é usado, mais se cansa”, explica o professor.

Para ver de perto também contraímos o esfíncter da pupila, que dilata ou contrai a íris. Mais um músculo que ficará em atividade intensa e causará a sensação de cansaço nos olhos.

Astigmatismo (visão borrada), hipermetropia (dificuldade para ver de perto), lentes de contato e ambiente com ar-condicionado são fatores que agravam os sintomas.

Tratamento. A CVS não está relacionada a nenhuma outra doença ou outros problemas dos olhos. Mas o desconforto pode ser grande, ainda mais para quem chega a trabalhar até nove ou dez horas diante do computador.

Cuidar do mal, no entanto, é relativamente simples. “Trabalhar por cerca de 50 minutos, levantar, olhar em outra distância focal, causar piscação forçada são medidas que se deve ter para uma boa saúde ocular”, orienta o oftalmologista Leôncio Queiroz Neto, do Instituto Penido Burnier. Em alguns casos, pode ser recomendável o uso de um colírio de lágrima artificial.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave