Homem morre em batida e filha de 2 anos é lançada para fora do carro

Apesar da gravidade do acidente, filha e mãe, que ficou presa às ferragens, não correm risco de morte

iG Minas Gerais | JOSÉ VÍTOR CAMILO |

Rodovia precisou ficar completamente interditada na manhã desta terça-feira (27)
WANDERSON SERRANO / WEB REPÓRTER
Rodovia precisou ficar completamente interditada na manhã desta terça-feira (27)

Um grave acidente ocorrido na manhã desta terça-feira (27) na BR-116, em Muriaé, na Zona da Mata, matou um homem de 42 anos e deixou sua mulher e filha de apenas 2 anos feridas. O carro de passeio das vítimas bateu de frente com o ônibus que seguia no sentido contrário da rodovia.

Segundo as informações do Corpo de Bombeiros, o acidente aconteceu na altura do km 685 por volta das 10h. Testemunhas relataram à Polícia Rodoviária Federal (PRF) que o Peugeot 207 seguia em direção à cidade de Miradouro quando invadiu a pista contrária para cortar um caminhão na ponte e acabou atingindo em cheio a frente do coletivo, que levava oito passageiros.

O condutor, Silvani Antônio de Souza, ficou preso às ferragens e acabou falecendo ainda no local. A criança, que estava na cadeirinha, foi lançada para fora do veículo e levada ao Hospital São Paulo, em Muriaé, por um carro que passava na via na hora do acidente. A mãe da criança também ficou presa às ferragens e precisou ser retirada pelos bombeiros e levada para o mesmo hospital.

Conforme a unidade hospitalar, a mulher foi medicada e já recebeu alta na tarde desta terça. A criança segue internada na pediatria, mas seu estado é estável. Motorista e passageiros do coletivo não chegaram a sofrer ferimentos com a batida.

A pista precisou ser interditada nos dois sentidos durante toda a manhã e gerou congestionamentos nos dois sentidos da rodovia. O corpo do homem foi desencarcerado e levado ao Instituto Médico-Legal (IML) de Muriaré. 

Leia tudo sobre: acidentemortobr-116muriaéponteultrapassagembatidacriança2 anoslançadaferidamãepresos às ferragensônibus