Tite cobra mais comunicação entre jogadores

Treinador também vem pedindo maior empenho dos atletas na preparação antes do Paulistão

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

Tite abriu o verbo em entrevista à Agência Estado
ALÊ VIANNA/AGÊNCIA ESTADO
Tite abriu o verbo em entrevista à Agência Estado

Depois de um ano longe dos gramados, Tite está "mais pilhado", como definiu Cássio em entrevista coletiva nesta terça-feira (27), no centro de treinamento do clube.

"Pelo tempo que ficou parado, ele voltou 'pilhado'. Mas o modo de trabalho continua o mesmo. Os treinos estão muito intensos, há muita disputa e muita disposição", disse o goleiro.

À beira do campo, é possível observar que o técnico fala bastante ao longo das atividades táticas, motiva os jogadores, cobra muito empenho e mais comunicação entre os próprios atletas.

"O Tite instiga uma competição boa, sem violência. E na pré-temporada fizemos bastante trabalho por posições", acrescentou o camisa 12 sobre algumas mudanças no estilo do treinador.

No próximo sábado (31), o Corinthians estreia no Campeonato Paulista contra o Marília, em casa. Na semana seguinte, quarta-feira (4), recebe o Once Caldas (COL), também no Itaquerão, no jogo de ida da primeira fase da Taça Libertadores.

"Vai ser uma semana bem complicada. Sabemos o que é a pressão de jogar a pré-Libertadores, até pelo que passamos [eliminação para o Tolima, em 2011]. Temos que estar preparados física e psicologicamente", afirmou Cássio.

EDU DRACENA

Contratado pelo Corinthians na semana passada, Edu Dracena deixou o treino mais cedo na manhã desta terça, no CT.

O zagueiro teve uma torção leve no tornozelo direito e saiu acompanhado pelo fisioterapeuta do clube. Apesar do susto, a lesão não preocupa e ele deve voltar a treinar normalmente amanhã.

Correndo contra o tempo para entrar em forma, o jogador pode não atuar nas primeiras partidas oficiais do time alvinegro na temporada.

A provável escalação do Corinthians para o duelo diante do Marília será composta por Cássio, Fagner, Gil, Felipe e Fábio Santos; Ralf, Elias, Lodeiro e Renato Augusto; Emerson e Guerrero.

Leia tudo sobre: titecorinthianscassiogoleiropreparaçaopaulistao