Maikon Leite promete voltar a jogar um bom futebol no Palmeiras

Jogador ficou devendo na sua primeira passagem ao Verdão em 2011 e espera ser destaque na equipe de Oswaldo de Oliveira

iG Minas Gerais | FOLHAPRESS |

O atacante diz que não se incomoda de ficar no banco de reservas até garantir o seu espaço
Cesar Greco/ Ag. Palmeiras/ Divulgação
O atacante diz que não se incomoda de ficar no banco de reservas até garantir o seu espaço

Maikon Leite, contratado pelo Palmeiras junto ao Santos em 2011, sabe que ficou devendo futebol no clube. Mas, agora de volta, jura  ter evoluído.

"Tanto a passagem pelo Náutico (em 2013), quando pelo Atlas -do México, em 2014-, foram muito importantes para mim, porque pude jogar, ter sequência. Espero ser no Palmeiras o jogador que fui fora daqui", disse o atacante.

"Respeito a posição do Oswaldo, de escalar outros jogadores, mas sei que cheguei aqui com o aval dele e que ele confia no meu trabalho", diz.

 

Pode até ser que Maikon tenha melhorado seu jogo, já que o Atlas tentou a estender seu vínculo -a negociação com o Palmeiras não evoluiu. Mas seus números no país norte-americano não foram muito expressivos.

Em 37 jogos pelo Atlas, Maikon fez apenas cinco gols. Atualmente, o atacante vive a ansiedade por um lugar no time titular do Palmeiras.

Titular nos amistosos contra Shandong Luneng, no dia 18, e Red Bull, no último domingo (25), o atacante foi reserva no coletivos desta terça-feira (27). Dudu conquistou o seu lugar.

"Até ir ao banco de reservas será difícil nesse grupo", diz o jogador. "São muitos atletas de qualidade", diz.

"Se meu nome estiver entre os 28 (que podem ser inscritos no Paulista), já vou respirar mais aliviado", afirmou.