Governo exonera cerca de 75% do Escritório de Prioridades Estratégicas

O escritório, que tem status de secretaria, deve perder espaço e ser alocado sob o controle da Secretaria de Governo

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Odair Cunha
Agência Câmara
Odair Cunha

O "Diário Oficial Minas Gerais" publicou neste sábado (24) a exoneração de 86 dos 116 funcionários que trabalham no Escritório de Prioridades Estratégicas do Goveno. O escritório, que tem status de secretaria, deve perder espaço e ser alocado sob o controle da Secretaria de Governo, comandada por Odair Cunha (PT). Na edição de anteontem do "Minas Gerais", constavam os nomes de 38 comissionados que foram exonerados da Secretaria de Estado de Transportes e Obras Públicas (Setop). Como adiantou O TEMPO na quinta-feira, as demissões deixaram o clima carregado na pasta.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave