Jesus pode nos libertar

iG Minas Gerais |

Amados, é hora de respirar fundo, pedir ajuda e serenidade a Jesus, para termos clareza diante do tema que iremos abordar neste nosso contato semanal. Hoje vamos falar de vícios. A palavra “vício” no latim quer dizer “falha” ou “defeito”, portanto o vício, seja ele qual for, já mostra logo no significado que não é algo positivo para ninguém, e sim um desvio que necessita de reparação. Os vícios, geralmente, trazem um prazer imediato ao viciado, carregando a impressão de que aquilo o faz muito bem. O problema é que muitas pessoas acabam se tornando dependentes do vício. Seja qual for ele: bebidas, drogas, cigarros, comida, televisão, fofocas, mentiras e outras inúmeras formas de dependências, sempre é muito ruim e muito difícil lidar com alguém que tem algum grau de dependência de alguma substância ou algum hábito. O vício é um hábito repetitivo que degenera ou causa prejuízo ao viciado e aos que com ele convivem, portanto, se você tem alguma mania de fazer algo que sempre se repete, cuidado, essa ação pode se transformar em um vício. O forte desejo de fazer alguma coisa se transforma em compulsão, que toma conta da mente de algumas pessoas de maneira que ela se torne incapaz de controlar ações decorrentes desse desejo. Faz com que o ser humano não tenha a percepção de compreender seu próprio comportamento. O vício pode atingir uma pessoa de diversas formas e por diversas razões. Existem pessoas que já nascem propensos a algum tipo de vício devido a heranças genéticas, outras são mais frágeis devido a algum problema emocional. O fato é que, em qualquer um dos casos, esse problema pode destruir por completo a vida de diversas pessoas, os que se viciam e os que estão em volta, como familiares e amigos. Se você tem algum tipo de vício, jamais diga que não consegue se livrar do problema, peça ajuda, e a principal ajuda vem de Deus. Converse com Jesus, admita seus erros e “seja forte, para admitir que é fraco” diante desse mal. É fundamental se convencer de que você é o primeiro a querer largar o vício. Esse é o passo mais importante para se livrar da compulsão. Vencer um vício nunca é uma tarefa fácil, não é simples para o nosso cérebro, portanto, se você tem mais de um, nunca tente largar todos de uma vez, isso pode fazer você desistir rápido. Ore, tenha fé e peça a necessária força de vontade a Jesus. Ele te ajudará. Boa semana, Deus abençoe!

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave