Público invade auditório do Ibirapuera para ver filme sobre Sabotage

Cerca de 4.000 pessoas aguardavam para ver a exibição de "O Maestro do Canão", porém apenas 800 eram permitidas

iG Minas Gerais | Folhapress |

Público invade auditório do Ibirapuera para ver filme sobre Sabotage
JULIO KOHL/DIVULGAÇÃO
Público invade auditório do Ibirapuera para ver filme sobre Sabotage

Fãs que não conseguiram entrar no Auditório do Ibirapuera na noite deste sexta-feira (23), para ver o documentário sobre o rapper Sabotage, invadiram o local, quebrando a porta de vidro na entrada do auditório.

Cerca de 4.000 pessoas aguardavam para ver a exibição de "Sabotage: O Maestro do Canão", porém apenas 800 eram permitidas.

Houve empurra-empurra e a porta foi quebrada. Uma garota saiu ferida com a perna sangrando. O público aguarda no saguão do auditório para a exibição, que estava marcada para às 21h.

O filme é o primeiro a repassar a vida do rapper paulistano, assassinado aos 29 anos em 24 de janeiro de 2003. No sábado, o crime completa 12 anos.

Já era esperado um excesso de público na exibição: o evento de lançamento no Facebook teve presença confirmada por 55 mil pessoas.

As imagens de Sabotage foram capturadas seis meses antes de sua morte, originalmente para um filme sobre a cena do rap na cidade.

A produção teve apoio de recursos incentivados e foi patrocinada por Itaú e Sabesp, e coproduzida pelo Canal Brasil. O diretor não informa os valores.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave