Ação conjunta entre Estados ainda sem data

iG Minas Gerais |

Inicialmente prevista para fevereiro, a primeira ação de segurança integrada entre os Estados do Sudeste do Brasil ainda depende de novas reuniões de planejamento. De acordo com o secretário de Estado de Defesa Social, Bernardo Santana, o plano será importante para garantir a diminuição da criminalidade no Estado. “Será um trabalho muito positivo para a segurança das fronteiras entre os Estados. Um trabalho de parceria entre as polícias que poderá dar muitos frutos. Mas ainda precisam ser feitas outras reuniões”, afirmou o secretário. As datas dos próximos encontros ainda serão agendadas. A ação foi anunciada no dia 7 deste mês pelo ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo. (JC)

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave