Explosão em metalúrgica deixa um operário morto em Divinópolis

Vazamento de gás pode ter causado o problema/ outro operário ficou gravemente ferido

iG Minas Gerais | Natalia Oliveira |

Um operário morreu e outro ficou ferido por causa de uma explosão na Metalúrgica Continental em Divinópolis, na região Centro-Oeste de Minas, nesta quinta-feira (22). De acordo com o Corpo de Bombeiros, a explosão pode ter sido causada por  um vazamento de gás de cozinha dentro da empresa por volta das 13h.

Ainda segundo os bombeiros, o operário que morreu trabalhava na sala onde houve a explosão. Felipe Augusto dos Santos, 26 anos, chegou a ser socorrido pelos bombeiros para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Divinópolis, mas não resistiu e morreu na unidade. O jovem regulava o forno de uma das caldeiras quando houve a explosão.

Um outro operário que trabalhava próximo ao local também ficou gravemente ferido. Paulo César Borges, 48, foi socorrido também para a UPA com hemorragia interna na região do abdômen, depois de ter sido atingido pelos destroços da explosão.

O local do acidente precisou ser isolado. A estrutura ficou bastante destruída e a Defesa Civil de Divinópolis foi acionada para avaliar se há riscos de desabamento. Por meio da assessoria de imprensa, a prefeitura da cidade afirmou que técnicos ainda estão no local avaliando os riscos.

A perícia da Polícia Civil está no local para colher informações sobre o acidente. Para os bombeiros a empresa afirmou que não tem seguro. A reportagem de O TEMPO tentou contato com a Continental, mas ninguém foi encontrado para comentar o assunto. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave